Democracia no abismo: Nicarágua

Instituto Update, PISEAGRAMA, Fósforo e Democracia Abierta

A América Central tem uma longa história de autoritarismo, com forte participação do governo dos Estados Unidos nas ditaduras que prosperaram na região ao longo do século 20. 

Na Nicarágua, a revolução sandinista, iniciada no final da década de 1970, pôs fim a uma ditadura que existia no país desde 1936, instaurando a democracia. No entanto, a principal liderança política remanescente daquele movimento hoje governa o país com mãos de ferro. 

Daniel Ortega governa a Nicarágua desde 2007 em um regime familiar autoritário que tem cometido múltiplas violações de direitos humanos e que levou o país a uma grande crise política. 

Em maio de 2019, Piseagrama realizou, junto com o site Open Democracy, o Instituto Update e outros parceiros, uma série de entrevistas com ativistas, estudantes e professores nicaraguenses para tratar da descambada autoritária no país, que resultou no vídeo que pode ser visto abaixo. 

Fotografia: Cristobal Venegas / Associated Press . El Diario